Presidente de Sindicato alerta agricultores sobre eSocial


Presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Urussanga e Cocal do Sul- Adefonso Baesso, alerta produtores rurais dos dois municípios para a importância de não deixarem de fazer frequentemente as declarações do eSocial.

Segundo Baesso, os produtores rurais pessoa física estão obrigados a apresentar suas informações relacionadas a seus empregados e/ou sua comercialização da produção rural, no eSocial , a partir dos fatos geradores desde julho de 2021.

“As vendas feitas para CNPJ, quando a empresa compradora recolhe o percentual de 1,5% na própria fonte está tudo certo, porém estes agricultores não estão vindo nas entidades de classe para comunicar junto ao eSocial estas operações para, desta forma, garantirem seus direitos e futuras necessidades previdenciárias através da comprovação destas ditas vendas”, pontuou Baesso ao acrescentar que estas comunicações são importantes para quando se fizer necessário requerer aposentadoria por tempo de contribuição ou por invalidez, auxílio maternidade e quaisquer outras necessidades que possam assim servirem para validar seus direitos.

“É importante comunicar, o Sindicato não cobra nada por este auxílio e serviços. Portanto, o agricultor não deve deixar de fazer pois nada vai gastar a não ser o seu tempo em benefício próprio”, concluiu Baesso.