top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

Zera Fila: Urussanga investe mais R$ 300 mil em segundo mutirão da saúde de 2022


Foram R$ 300 mil investidos em julho, e agora, mais 1.162 exames, consultas e pequenos procedimentos devem ser realizados



A Prefeitura Municipal de Urussanga, através da Secretaria Municipal de Saúde, está iniciando nesta semana, o segundo mutirão "zera fila" de 2022. O primeiro, iniciado em julho, foi um sucesso, realizando mais de mil exames de média complexidade com o intuito de reduzir as filas de espera que se acumulam nos meses anteriores. Nesta nova etapa, mais R$ 300 mil foram investidos através do Consórcio Intermunicipal de Saúde da Associação dos Municípios da Região Carbonífera (CIS-AMREC).

Serão realizados 1.162 exames, consultas e pequenos procedimentos, distribuídos da seguinte maneira: 15 septoplastias e turbinectomias, 100 endoscopias, 70 colonoscopias, 210 ressonâncias, 50 tomografias, 286 ultrassons, 100 eco dopplers, 146 exames cardiológicos, 25 exames OCT binocular, 40 consultas neurológicas, 100 consultas neuropediátricas, e 20 próteses dentárias.

"Conseguimos com o primeiro mutirão, diminuir bastante algumas esperas, mas novas solicitações vão surgindo e por isso, nosso trabalho não pode parar. Esse novo investimento, já engloba pequenos procedimentos cirúrgicos, e pouco a pouco, de investimento em investimento, queremos ir reduzindo as filas uma a uma", afirma a Secretária de Saúde de Urussanga, Ingrid Zanelatto.

As liberações estão sendo feitas de forma cronológica, através do controle do Sistema de Regulação. O setor responsável pelo agendamento de exames, está comunicando às pessoas contempladas por telefone ou WhatsApp, realizando o chamamento dos pacientes para retirada dos guias de autorização.

Vale destacar, que os exames serão marcados, conforme disponibilidade das clínicas autorizadas, nas próximas semanas.


O primeiro zera fila

No primeiro mutirão de 2022, foram investidos R$ 300 mil. Na época, algumas pessoas esperavam desde abril de 2021 por exames de média complexidade. Foram realizados 1.180 exames, distribuídos da seguinte maneira: 50 colonoscopias, 150 endoscopias, 200 ultrassons, 100 eco dopplers, 150 tomografias, 220 ressonâncias, 100 exames cardíacos, 90 neurológicos e 120 próteses dentárias.

Com esse novo investimento, já são R$ 600 mil reais investidos em ações para reduzir a espera por atendimento, somente em 2022. "A saúde tem pressa. Um diagnóstico no momento certo, pode salvar vidas. Diminuir esse prazo para esses exames e procedimentos é essencial, e uma meta do nosso governo", destaca o prefeito Gustavo Cancellier.

bottom of page