top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

Vereador e ex-funcionário da prefeitura de Urussanga são denunciados pelo MPSC

Informação recebida na tarde desta terça-feira 22/03, dá conta de que um vereador e um ex-funcionário da Prefeitura de Urussanga foram denunciados pelo Ministério Público de Santa Catarina.

Segundo a denúncia, o vereador Odivaldo Bonetti (PP) teria praticado o crime de peculato em novembro de 2021, quando o parlamentar teria desviado carga de “areão”, bem móvel público da prefeitura, em proveito de uma pessoa em propriedade particular, localizada no Rancho dos Bugres.

Somando-se a isto , Bonetti e o ex-diretor administrativo da Secretaria Municipal de Educação, João Batista Bom, foram denunciados por omissão de comunicação de crime. Isso porque, conforme denúncia, em outubro de 2021, os denunciados deixaram de comunicar a autoridade competente sobre os crimes de ação penal pública incondicionada, o peculato, praticado pelo vereador Fabiano Murialdo de Bona (PSDB).

A denúncia do MPSC diz que Bonetti incorreu no artigo 312 do Código Penal e no artigo 66, inciso I, da Lei das Contravenções Penais. João também incorreu no mesmo artigo da Lei das Contravenções Penais. Por isso, os denunciados deverão apresentar resposta à acusação no prazo legal. O documento do MPSC ainda ressalta que deve haver audiência para inquirição das testemunhas e/ou informantes. Ao final do processo, o vereador e ex-funcionário poderão ser punidos com sanção cabível e poderão pagar valor para reparação dos danos causados pela infração (inclusive morais), a serem apurados no decorrer da instrução criminal.

Comments


bottom of page