top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

Urussanguense quer criar associação para autistas


Esta semana recebemos na redação de Panorama a visita da senhora Dulce Folchini Freitas que, ao relatar problemas relacionados ao autismo, informou sobre as dificuldades encontradas para superar os problemas advindos por aqueles quem tem em suas famílias algum integrante nas condições acima citadas, especialmente aqui em Urussanga.

Sem ter como lidar com as adversidades, Dulce busca junto a vários grupos de pais, avós e familiares destas pessoas portadoras de deficiência, a constituição de uma associação.

O objetivo é, através desta associação, tratar das questões em grupo e, desta forma, tentar viabilizar, amenizar ou mesmo resolver, problemas dos mais diversos. Sejam eles de ordem estrutural como falta de professores , psicólogos , fonoaudiólogos e fisioterapeutas nas redes de ensino, seja em relação a tudo o mais já que, muito embora tenham direitos previstos em leis, na prática não é cumprido por parte do Poder Público e suas instituições.

Visivelmente preocupada com a questão, Dulce disse à reportagem de Panorama que tem um neto com esta deficiência.

“Tenho um neto nesta condição, mas apesar de tudo ainda sou uma privilegiada, pois meu neto tem plano de saúde, o que ameniza um poucos os problemas. Mas ele e os demais sofrem bullying , apanham, chegam em casa com arranhões” afirmou a urussanguense que se colocou à disposição para liderar este movimento de criação de uma associação..

“Coloco meu número telefônico à disposição das pessoas que queiram participar de alguma forma, e até na constituição de uma entidade que possa estar ajudando a solucionar os problemas de forma legal. E até, se possível, recebendo meios de cuidar dos interesses de todos.

Estamos buscando formar esta Associação pois, sozinhos não temos força, e quem sabe, seguindo o exemplo de outras pessoas em cidades vizinhas que já possuem este tipo de entidade, dar apoio e solução para um problema que muitos não sabem ou não enxergam, mas que existe e, infelizmente, em número bastante grande. Não sei quantos são ao todos em Urussanga, mas tenho contatos e são mais de 80 pessoas precisando de ajuda afirmou Dulce.

Os interessados em participar ou colaborar podem ligar para o número: (48)9.9843-0320.

1 commento


elumacari
06 giu

Bela iniciativa em prol dos autistas, o apoio deve ser integral, setor público, privado e sociedade. Parabéns para a Dulce e à equipe Panorama, pela divulgação e abertura de debate sobre o tema, atualíssimo.

Mi piace
bottom of page