top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

Urussanga recepciona visitantes do Passeio cultural da Afasc


Desde o dia 18 de julho, a estação ferroviária no Bairro da Estação, em Urussanga, tem recebido mulheres dos Clubes de Mães da Associação Feminina de Assistência Social de Criciúma (Afasc).

Segundo a coordenadora do departamento de Clube de Mães desta associação - Nézia João Pereira, estas viagens de trem fazem parte de um projeto cultural intitulado “Trem da história – De volta ao passado”.

Nézia explica que as viagens estão sendo promovidas para comemorar os 50 anos da Afasc que, atualmente, conta com 140 Clubes de Mães e que abrange 3.200 mulheres de várias faixas etárias, incluindo um Clube dentro da penitenciária feminina Sul.

No trajeto, gaiteiros animam as participantes e a cantoria toma conta dos vagões.

Na chegada, as participantes ganham um lanche especialmente preparado pela Afasc e podem adquirir peças artesanais, vinhos e produtos colonias de Urussanga.

“Muitas pessoas relembram de seu passado enquanto estão dentro do trem. São muitas histórias ouvidas, muitas gargalhadas, então sabemos que estamos proporcionando um momento de lazer e de história”, pontuou a coordenadora.

Estes passeios de trem também beneficiam idosos do Centro de Convivência da Terceira Idade, dos Grupos de Idosos e funcionários.


Prefeito de Criciúma - Clesio Salvaro, também participou da viagem na última terça-feira 1º de agosto e disse à reportagem de Panorama SC que sentia-se feliz em poder oportunizar momentos de lazer e de confraternização para tantas pessoas idosas, muitas das quais viveram o tempo em que o sistema ferroviário funcionava para transporte de pessoas.

“Estes passeios são parte das comemorações dos 50 anos da Afasc, uma entidade forte que nós temos em Criciúma, que acolhe quando elas nascem, passando o período de pré-escola, são quase 6 mil crianças nas creches do município. Temos ainda os grupos de mães e de idosos, dando assim um atendimento para nossa população desde praticamente o nascimento até a despedida” afirmou Salvaro.

Comentários


bottom of page