Safrinha do milho - agricultores iniciaram semeadura e área plantada deve ser maior


Encerradas as colheitas das frutas de caroço, uvas e do fumo, agricultores da região se voltam agora para o plantio de milho chamado de “ safrinha”.

Essa nomeação deu-se em virtude de o cultivo ser feito após a primeira safra, a qual normalmente é a cultura que tem maior investimento financeiro pelos produtores. A semeadura da safra varia de outubro a dezembro, enquanto a da safrinha, de janeiro a abril.

Segundo o presidente do Sindicato dos Agricultores e Agricultoras de Urussanga e Cocal do Sul - Adefonso Baesso, entusiasmados com os preços praticados no mercado, os agricultores da região estão iniciando suas semeaduras de milho safrinha.

A expectativa é que a área plantada seja bem maior este ano, em virtude da queda que houve no plantio de feijão.

“O agricultor aproveita este espaço de tempo que o solo ficará digamos vazio, para plantar o milho da safrinha. Assim ele aproveita o resto dos insumos que ficaram no solo após a colheita do fumo e garante um dinheirinho extra. Para aqueles que também trabalham com pecuário a safrinha vem para garantir comida ao gado durante o inverno” pontuou Adefonso.