RAFAEL NIERO

Atleta de Urussanga vence prova em Criciúma



São segundos de diferença, muito esforço e treinamento. As corridas de curtas distâncias exigem dos atletas desempenho máximo num curto espaço de tempo. Por isso a lapidação de um campeão acontece a cada treino, adaptação e superação. E foi assim que Urussanga recentemente teve seu nome elevado no topo mais alto do pódio na região.

O jovem Eduardo Cardoso, de 20 anos, foi consagrado campeão dos 5 quilômetros na 5ª Meia Maratona de Criciúma, no último domingo, dia 18. O atleta, da assessoria esportiva Cardio Runners, concluiu a prova em pouco mais de 16 minutos. “Foi uma conquista especial por ter sido meu melhor tempo nessa distância. Bati meu recorde pessoal e ainda consegui o primeiro lugar. Baixar cada segundo é muito sofrido”, comenta.

“A corrida me trouxe uma lição de vida que nem sempre estamos na nossa melhor fase, mas se nos comprometermos a sermos disciplinados futuramente seremos recompensados. Faz apenas um ano e três meses que estou me dedicando aos treinamentos de corrida. Desde o primeiro momento sempre confiei muito no trabalho do treinador Claudio. Reconheço que sou novo no esporte, mas com a experiência do meu treinador e a troca de ideias, identificamos a possibilidade de ter um futuro promissor no esporte”, acrescenta o jovem atleta.

O treinador da assessoria esportiva, Claudio Rodrigues, afirma que o atleta Eduardo já teve uma evolução considerada acima da média. “Isso só foi possível atingir porque trabalhamos em sintonia e seguido o passo a passo o método de treinos. Eduardo desde o início já demonstrava muita disciplina e dedicação. Chegou na equipe sem saber o que realmente era treinar corrida, pois ele apenas corria sem pretensões. Nesse um ano de treinamento já conquistou alguns pódios. Ainda estamos no início do trabalho e temos muito a evoluir. Com paciência, sabedoria e muita disciplina vamos alcançar nossos objetivos”, finaliza.


Urussanguense é campeão Sul-Americano de Powerlifting


Julio Majo, popular Urso, cravou o nome de Urussanga no Campeonato Sul-Americano de Powerlifting & Bench Press, que aconteceu entre dias 7 e 11 de setembro. O evento reuniu 11 países, na arena da Uniarp, em Caçador. O município foi a casa dos atletas mais fortes do continente, sendo considerado o maior evento de força da América Latina. Durante os cinco dias de evento, Urso foi o Campeão Sul-Americano de Powerlifiting. Além disso bateu cinco recordes. Dentre eles está o Sul-Americano de levantamento Terra, o catarinense de agachamento, catarinense de supino, catarinense de levantamento terra e o record Catarinense de peso total levantado, com a marca de 638,5 quilos. Simplesmente um dos homens mais fortes de Santa Catarine e da América Latina é de Urussanga.

Além disso foi escolhido o 2º melhor atleta na categoria 93 quilos geral, conquistando também duas medalhas por movimentos levantados individualmente e mais prata e bronze no levantamento terra.


DME Urussanga está na semifinal do Regional da LUD

A DME de Urussanga garantiu a classificação a fase semifinal do Campeonato Regional de Futsal da Lud. Teve uma excelente campanha na primeira fase, conquistando a classificação em primeiro, mas também começou bem a fase eliminatória. No primeiro jogo das quartas de final, os urussanguenses venceram a DME Orleans, por 3 a 2. O jogo de ida aconteceu no Ginásio de Esportes de Orleans. No jogo da volta, nova vitória dos urussanguenses. No Ginásio Centenário de Urussanga a vitória veio com um placar mais folgado, 6 a 3 contra os visitantes.


Os jogos da semifinal acontecem na próxima semana contra a equipe do Exército F.C. de Imbituba. O primeiro jogo será na terça-feira (27), às 21 horas, no Ginásio de Esportes Imbituba. O jogo da volta será no Ginásio Centenário de Urussanga, na quinta-feira (29), às 21 horas.



Abraço da Galera



O abraço dessa semana vai para o amigo Rudmar Maciel, o popular Amarelinho, que teve muito a comemorar nessa semana. Primeiro pelo acesso do Criciúma a elite do futebol catarinense e o título da série B, na quarta-feira (21). E a comemoração não parou, no dia seguinte o seu aniversário. Na quinta-feira (22), foi a vez de festejar a troca de dígitos. Parabéns, Amarelinho!