Previsão indica que maio seguirá com pouca chuva

Em abril choveu apenas um terço da média histórica



“A última semana de abril de 2021 foi bem típica da estação de outono na região de Urussanga, com dias de bom tempo, noites frias e tardes aquecidas pelo sol. As noites tiveram temperaturas baixas, com a mínima de 7,6°C em Belvedere na manhã do dia 28. Esta foi a primeira Massa de Ar Polar do ano a causar temperatura negativa na Serra Catarinense, chegando a marcar -5,4°C em Urupema.”

Essas foram as informações repassadas ao Panorama SC pelo engenheiro agrônomo, Dr. Pesquisador da Epagri em Urussanga - Márcio Sônego.

Segundo ele, “o ar frio acentuou ainda mais a falta de chuvas na região, encerrando o mês de abril com apenas 33mm de precipitação em Urussanga (33 litros/m2), um terço da média histórica que seria de 100mm. Mesmo assim para a agricultura o clima de abril foi gentil, pois permitiu umidade no solo e frio benéficos para o estabelecimento das pastagens de inverno para a pecuária leiteira.

O que se esperar para o mês de maio? As previsões indicam pouca chuva para o mês, e temperatura média acima do normal. Se bem que na primeira semana de maio haverá alguma chuva seguida de mais uma forte onda de frio fazendo despencar a temperatura depois do dia 5. Ao estudar os registros de chuvas desde 1924, existe uma coincidência de que quando chove pouco em abril também chove pouco em maio, com algumas poucas exceções à regra. Apesar da previsão de pouca chuva, é bom lembrar que maio é mês sujeito ao surgimento de algum ciclone extratropical em alto mar, situação que sempre causa muita chuva e até alagamentos no litoral sul catarinense, como aconteceu nos meses de maio de 2010, 2015 e 2019.

Portanto, é muito provável a ocorrência do tal veranico de maio em 2021.”