Prefeito Gustavo Cancellier fala sobre R$ 33 milhões em investimentos


Obras em Rio Salto- Foto arquivo


Durante entrevista concedida a Rádio Marconi na última quarta-feira 15/07, o prefeito Gustavo Cancellier repassou informações bastante significativas em termos de projetos e obras relacionadas ao município de Urussanga.

Projeções otimistas não faltaram e, entre as muitas falas do prefeito, pode-se citar que as obras de pavimentação de mais um trecho da Rodovia Atílio Damiani (Rio Salto) será executado neste segundo semestre.

Serão aproximadamente 250 metros de pavimentação asfáltica.

A obra será executada com recursos provenientes de Emenda Parlamentar e complemento da PMU.

Antes do término da atual gestão, o prefeito urussanguense revelou que o número de obras já iniciadas ou por iniciarem chega a aproximadamente 60, visando atender necessidades que vão melhorar em muito a qualidade de vida e o suporte para o desenvolvimento.

No setor de obras de pavimentação, serão 34 e outras 26 nos demais setores. Todas estas obras serão executadas com parte de recursos próprios, do empréstimo contraído e de Emendas Parlamentares. Em função da impossibilidade quanto a capacidade operacional e os compromissos do Cirsures no atendimento a outros municípios membros do Consórcio, a PMU contrata serviços terceirizados e já existe empresa que venceu o processo licitatório para várias pavimentações definidas.

Outras obras destacadas pelo prefeito são as da UR 07(Serrinha), que em função das chuvas há 15 dias praticamente nada avançou, as tão comentadas obras do Anel Viário que terão início ainda neste segundo semestre e começarão pelo bairro Pirago, com previsão de pavimentação asfáltica em torno de 1km, beneficiando em parte a comunidade de Rio Caeté, além de uma ponte em concreto armado a ser construída no Bairro Dois Rios ligando as duas margens sobre o Rio Urussanga.

Equilíbrio fiscal


Entre as demais informações importantes, o prefeito disse textualmente que Urussanga vem num equilíbrio fiscal muito grande, mesmo diante de tudo o que até aqui se tem passado em função da pandemia.

Para este último semestre, o ritmo das obras será intensificado objetivando cumprir o planejamento nos vários setores.

“Na história do município de Urussanga ,durante conversa com o Sr. Sidynei De Lucca, que é o contador da PMU, há mais de 25 ou 30 anos não se encontrava a situação tão equilibrada da Prefeitura. E graças a Deus, vamos transformar Urussanga em um grande canteiro de obras, maior que 2019 e posso afirmar com os maiores investimentos do Município nos últimos anos e não apenas em obras.

Estamos agora em julho chegando aos R$ 33 milhões de investimentos em obras. Exatamente isto que estou falando, R$ 33 milhões, sendo que em torno de 200 obras já foram realizadas no município de Urussanga, o que em tese corresponde a uma entrega de obra a cada duas semanas” finalizou o prefeito Gustavo.