top of page

Página Três

Chamou a atenção


Ministro da Economia- Paulo Guedes foi quem mais chamou a atenção no pronunciamento que o presidente Bolsonaro fez à nação logo após o pedido de demissão de Sérgio Moro. Todos trajando paletó, gravata e sapotos reluzentes e ele, o Guedes, bem à vontade só de camisa, sem gravata e sem sapato. À princípio, pensava-se que ele estava só de meias mas, posteriormente foi divulgada que ele calçava sapatilhas brasileiras da uFrog. Em tempos de pandemia do coronavírus, Guedes foi o único a usar máscara durante o pronunciamento de Bolsonaro. Na Baixada Governador Moisés terá que explicar para os catarinenses e para a provável CPI na Asembleia, notícia que circulou essa semana na internet sobre denúncia feita pelo The Intercept Brasil, na qual foi divulgado o gasto de R$ 33 milhões para aquisição de 200 respiradores. Além do preço de cada respirador ter sido cotado bem acima da média no mercado, há o fato de a empresa estar localizada em uma barraco em Nilópolis, na região metropolitana do Rio de Janeiro-RJ, e não tem histórico de venda desses aparelhos. Tivemos o escândalo dos R$ 77 milhões do Hospital de Campanha em Itajaí que a Justiça mandou parar e ainda a falta de sensibilidade de gastar mais de R$ 7 milhões para iluminar uma ponte num momento de tanta incerteza econômica.


Notificando Estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços que atendem clientes que não usam máscara preventivas a Covid-19 estão sendo notificados pela Vigilância Sanitária de Maracajá. Somente nesta semana cinco estabelecimentos, entre eles lojas comerciais e farmácias, receberam a notificação. Falsificados Diante de tantas notícias que circulam nas redes sociais apontando que médicos do Brasil estão “falsificando” os atestados de óbitos para deliberadamente aumentar o números de casos de mortes por Covid-19, parece que já está mais do que na hora de ser feita uma fiscalização e apuração desses fatos. Seja pelo órgão que rege a classe médica, seja pela Polícia Federal ou Ministério Público. Sem pagar Inadimplência dos consumidores nessa pandemia do coronavírus pode causar um aumento de 20% no preço da energia elétrica no Brasil. Isso porque, sem receber pagamentos, as empresas de energia não conseguem honrar suas despesas com transmissoras, geradores e até mesmo com o governo, que recebe encargos e impostos. E pode estar despontando aí a Conta Covid-19 para os brasileiros, cansados de corrupção, brigas políticas e instabilidade econômica, pagarem.



Fuero Deputada estadual Ada De Lucca não poupou críticas ao novo Ministro da Sáude Nelson Teich, logo após seu pronunciamento na terça-feira 28/04. Em sua página no facebook, a deputada escreveu: “ Gente não sei o que pensar!!! Vocês viram a entrevista do ministro da saúde????? Meu Deus onde vamos parar??????? Parece mais perdido que cego em tiroteio!!! Fiquei mais assustada do que já estou. Que horror , que triste!!!!!! Inacreditável!!!!!!!!!!”


Profissional Parece que a campanha de outubro já começou nos “wats” da vida, com vídeos e charges muito bem elaboradas, dando a quase certeza de que há gente muito bem preparada soltando o material no mundo da internet. Ignorância O caso da balconista de um supermercado no estado do Paraná que foi baleada no pescoço pelo próprio segurança da loja e morreu por causa da discussão sobre a máscara de proteção facial que um cliente não queria usar, é a prova de como a ignorância anda à solta por aí podendo trazer o caos de um minuto para outro. Modismo De tempos em tempos surgem as modas que, no final, acabam saturando os espaços e sendo deixadas para trás. Parece que está surgindo mais uma. Trata-se das lives- transmissões ao vivo pelas redes sociais da internet- que vão desde propaganda de roupas em lojas, opiniões das mais diversas sobre variados temas até apresentações de artistas, famosos ou não. É tanta gente fazendo live, que parece ter sobrado pouca gente para assistir.



Cidadania Honorária


Foi aprovado na noite da terça-feira 28/04 o Decreto Legislativo que concede ao urussanguense José Catarina, o título de Cidadão Honorário de Urussanga. No mesmo dia, também foi aprovada a concessão de Medalha do Mérito a Cleyton de Oliveira Rita. Zé e Cleyton foram os primeiros a terem seus nomes aprovados para essas honrarias em sessão virtual do legislativo urussanguense.

bottom of page