top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

MAURO PAES CORREA

Fé Online


Um dos lados positivos da popularização da Internet, é a democratização dos espaços de divulgação que as diferentes matrizes religiosas utilizam na grande rede, trazendo uma constatação curiosa: a de que a busca da fé ou aprimoramento de conhecimentos ligados ao assunto, esteja cada vez mais concentrado no meio online.

A primeira observação que muitas pessoas fazem, é a de que aparentemente, pelo esvaziamento dos locais presenciais para a prática da fé estar ocorrendo em maior ou menor nível, há uma certa apostatia (abandono da fé), por determinadas pessoas.

O distanciamento da fé é real, mas não significa necessariamente que a percepção represente unicamente o aumento de pessoas que não seguem religião alguma ou de ateus. Prova disso é o crescimento exponencial dos canais e aplicativos desenvolvidos por organizações religiosas ou religiosos sem afiliação com alguma crença em específico, demonstrando que parcela considerável das pessoas, prefere praticar sua religiosidade em momentos mais propícios e aproveitar a vantagem de conhecer outros líderes de sua crença, inclusive facilitando a participação ao vivo, nos eventos disponibilizados.

Graças, é claro, à popularização dos equipamentos de conectividade e transmissão. Com um tripé, luz adequada e um microfone de lapela, é possível alcançar milhares de pessoas, inclusive de outros países.

Como o meio digital tornou-se um caminho sem volta, são poucas entidades religiosas que atuam unicamente no modo presencial e graças ao PIX, a manutenção de diversas atividades, inclusive de ajuda ao próximo, mantém-se ativa.

Mudam os tempos, mas a necessidade da prática religiosa, por grande parte dos brasileiros, segue firme.

Comments


bottom of page