Intercâmbio AgroBrazil em Santa Catarina reúne diplomatas de 10 países



A Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e a Federação da Agricultura e Pecuária de Santa Catarina (Faesc) realizam, de 5 a 8 de dezembro, o Programa de Intercâmbio AgroBrazil, em Santa Catarina.

O AgroBrazil é um programa desenvolvido pelo Sistema CNA/Senar com o objetivo de apresentar a realidade da produção agropecuária nacional para representantes de delegações estrangeiras e permitir um contato próximo e direto entre os diplomatas e os produtores rurais brasileiros.

Neste ano, o grupo é formado por 10 diplomatas representantes da Argentina, Bangladesh, Bélgica, Chile, Moçambique, Itália, Nigéria, Paraguai, Uruguai, Vietnã. A missão vai passar por cidades do estado de Santa Catarina para conhecer projetos de maricultura, vitinicultura, fruticultura, suinocultura, avicultura, lácteos e grãos.

A oitava edição do AgroBrazil terá a participação do presidente da Faesc, José Zeferino Pedrozo, do presidente da Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul) e vice-presidente de Relações Internacionais da CNA, Gedeão Pereira, da diretora de Relações Internacionais da CNA, Sueme Mori, de técnicos da CNA, das Federações e de Sindicatos.

Santa Catarina tem cerca de 200 mil propriedades rurais e uma grande diversidade produtiva. No Estado, a produção agropecuária representa 31% do Produto Interno Bruto (PIB), responde por 70% das exportações totais, com um valor de produção agropecuária de R$ 55,8 bilhões.

Nos últimos 5 anos, o Programa levou representantes de 32 delegações estrangeiras aos Estados da Bahia, Pernambuco, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Pará, Rio Grande do Sul e Mato Grosso.