Gustavo torna-se réu em processo do TRF e continua afastado da PMU


Sessão do Tribunal Regional Federal na tarde desta quinta-feira 19/05, definiu pela aceitação da denúncia feita pelo Ministério Público contra o prefeito Gustavo Cancellier, por irregularidades cometidas em sua primeira administração e por desvios de recursos públicos.

Isso significa dizer que, a partir de agora, ele enfrentará a Justiça na qualidade de réu e continuará afastado da Prefeitura de Urussanga, ainda não se sabe por quanto tempo.

Segundo informações, prefeito Gustavo deverá recorrer da sentença.

Por outro lado, esta decisão do TRF4, transformando Gustavo de suspeito em réu, deve mudar o tom das discussões na cidade, onde, no início da semana, por força do depoimento do prefeito afastado na emissora local de rádio, criou-se um sentimento de que estava sendo armado um golpe político.

Como a denúncia foi aceita por maioria dos magistrados da Justiça Federal e não por vereadores na Câmara de Urussanga, os posicionamentos com relação às Comissões Processantes também devem mudar, com os edis tendo maior credibilidade perante à população, uma vez que cai por terra a argumentação de que todas as denúncias foram apenas motivações político-partidárias.