top of page

Forquilhinha - 2ª edição do Mamaço discute a importância da amamentação


O Governo Municipal de Forquilhinha, por meio da Secretaria de Saúde, realiza a segunda edição do Mamaço que tem como objetivo a conversa sobre o aleitamento materno. A ação ocorreu na tarde desta quarta (24), na Prefeitura.

O mamaço reuniu as mamães para falar da importância da amamentação no primeiro ano de vida. Mães e filhos aproveitaram uma tarde inteira envolvidos em atividades voltadas para o universo materno com palestras.

A nutricionista Tamiris de Aguair Benfato, destacou que o leite materno é considerado o melhor alimento para o bebê, é completo de vitaminas, proteínas, carboidratos e gordura e a sua composição vai mudando conforme as necessidades da criança, iniciando com o colostro e depois virando o leite mesmo. “A amamentação na saúde cria um laço afetivo com a mãe, fortalece o sistema imunológico por ser rico em anticorpos da mãe. É de fácil digestão e diminui as cólicas. Além de desenvolver o sistema nervoso, pois, ao amamentar a mãe oferece uma substância chamada DHA (ácido docosahexaenoico), presente no ômega 3, diminui o risco de déficit de atenção, entre outros benefícios”, revelou.

Maria Laura Alves Varjardo, 45 anos, é mãe da Valentina, de 1 e 4 meses. Ela acredita que eventos como esse deveriam acontecer com mais frequência, pois muitas vezes a amamentação é interrompida por falta de informação e de conhecimento. “E importante demais acontecer eventos assim. Eu criei dois filhos e não tinha essa oportunidade de aprender sobre como amamentar desde a gravidez, de como vai ser todo o processo, fisicamente e psicologicamente. E ter toda essa liberdade de falar sobre o assunto”, comentou.

“Participar de eventos como esse é maravilhoso, principalmente quando somos mães de primeira viagem e não sabemos muita coisa. Desde a gravidez procurei participar de palestras para que quando o meu filho nascesse eu estivesse preparada. É importante saber que a gente pode mudar o futuro da saúde por meio da amamentação”, pontuou Monalisa da Luz de Aguiar, 29 anos, que participa desde a primeira edição do evento ainda grávida.

bottom of page