Filme/documentário "Gemellaggio 30 anos" foi lançado em Urussanga


Obra relata a história do pacto de amizade entre Urussanga e Longarone e está disponível gratuitamente para a população na plataforma Vimeo



Uma noite marcada por muita história, emoção e alegria. Assim foi nesta quarta-feira (25), na Sociedade Recreativa Urussanga, quando pessoas das mais variadas idades, se reuniram para acompanhar o lançamento e exibição do filme/documentário "Gemellaggio 30 anos".

Durante cerca de uma hora, olhos vidrados acompanharam relatos históricos e experiências pessoais de personagens urussanguenses e italianos, relacionados ao pacto de amizade entre Urussanga e Longarone. "A gente se identifica com a história das pessoas. Eu sempre mencionava como o início dessas famílias na região devia ter sido difícil, mas quando a gente acompanha os relatos do filme, de quanto foi árdua a caminhada das famílias quando aqui chegaram, isso nos leva para uma emoção muito maior", declarou o Prefeito de Urussanga, Jair Nandi, que por vezes, se emocionou durante a exibição das cenas e depoimentos.

Para Nevton Vicente Rech Bortolotto, responsável pela pesquisa e supervisão da obra, ver tudo pronto e tocando a alma das pessoas, teve um peso especial. "A cada contato com os nossos interlocutores, a gente revivia os momentos da época de forma conjunta. A gente compartilhava também essa emoção durante a gravação, e isso nos dava cada vez mais ânimo e força para continuar o trabalho e buscar cada vez mais subsídios e informações para tornar o documentário muito rico, da maneira como ele se apresentou", comentou.

Nevton acompanhou todo o processo do Gemellaggio, desde o momento em que o acordo era apenas um sonho. Por isso, conhecia muito bem a rica história que podia ser contada. "É muito emocionante ver o resultado de um trabalho que não foi muito longo, mas foi exaustivo, porque nós lutamos contra o tempo para reunir em um documentário de apenas 50 minutos, muitas vicissitudes do Gemellaggio. A gente sabe que tem uma diversidade enorme de situações, eventos, imagens, e principalmente, de pessoas que participaram. Então, ver que todo mundo se sente compartilhado nessas imagens, nesse filme, é muito gratificante. Ele vai servir como uma referência, um documento para a sociedade e para a escola principalmente", completou.

O filme foi produzido pela empresa urussanguense Goulart Filmes, dos irmãos Yves e Nayglon Goulart, que relatou a felicidade de poder contar a história do pacto. "É uma honra para nós que somos uma empresa de Urussanga, resgatar essa história do Gemellaggio. Uma história que começou a ser escrita há 30 anos. O filme está muito bonito e acredito que as pessoas vão se emocionar com os depoimentos", afirmou Nayglon. Yves, que mora em Nova York, não pôde comparecer ao lançamento, mas mandou uma mensagem através do irmão, que fez questão de lembrar que a história não acabou. "O filme foi dividido em duas partes e no final do ano, a segunda parte será lançada".

Para Nayglon, a obra tem uma grande importância documental. "Podemos contar a história, olhar para trás e ver o que a gente errou, o que a gente acertou e o que podemos prospectar para o futuro dos próximos 30 anos. Acredito que seja um divisor de águas esse momento, de a gente olhar para trás e também prospectar para frente o que podemos fazer", ressaltou.

"Foi bonito ver a casa cheia. A cultura do nosso município é muito forte e temos que explorá-la cada vez mais", destacou o presidente da Câmara de Vereadores e membro da comissão organizadora, Beto Cabeludo.

Durante o evento, uma exposição fotográfica também foi preparada para apresentar momentos históricos do Gemellaggio para a população presente.


Segunda parte e divulgação da obra

Como mencionou o produtor do filme/documentário, Nayglon Goulart, o audiovisual foi dividido em duas partes. A primeira, lançada e exibida nesta quarta-feira (25), já está disponível gratuitamente para todos, na plataforma Vimeo, no canal da Goulart Filmes. A segunda parte deve ser lançada no mês de novembro, com a anunciada vinda de uma comitiva de Longarone para Urussanga.

Agora, a comissão do Gemellaggio discutirá meios de divulgar cada vez mais esta história tão importante para a cultura de Urussanga. Vale lembrar, que a Prefeitura Municipal, possui todos os direitos de exibição e divulgação do documentário "Gemellaggio 30 anos".




Acesse o filme completo gratuitamente: https://vimeo.com/goulartfilmes/gemellaggio30anos

Acesse o trailer:

https://www.youtube.com/watch?v=2Oi3KemRJFE&feature=youtu.be



Texto e fotos: Ana Paula Nesi

Assessora de Comunicação Prefeitura Municipal de Urussanga