top of page
  • Foto do escritorJORNAL PANORAMA SC

Dr. José Claudio - 30 anos ajudando Urussanga a ter um belo sorriso


Numa quarta-feira 12 de junho de 1991, ao invés de levar flores e aproveitar a noite para ficar junto a sua namorada, um jovem dentista chegava a Urussanga - um local estranho e distante de sua cidade natal, para dar início a uma bela história

Seu nome: José Claudio Rodrigues Alves.

Natural de Porto Alegre/RS e formado em Odontologia pela Universidade Federal de Pelotas/RS, José Claudio iniciou sua vida profissional em Ibirubá, um município gaúcho onde foi funcionário da Cooperativa Tritícola e manteve seu consultório por dois anos.

No ano de 1990, quando fazia curso de aperfeiçoamento em Curitiba/PR, comentou que gostaria de residir em Santa Catarina.

Momento em que seu colega José Roberto Macarini, que reside em Criciúma, informou-o sobre a cidade de Urussanga e convidou-o para se estabelecer por aqui.

Decidido a mudar de ares, José Claudio pediu demissão da Cooperativa e começou a entregar currículos em Prefeituras de Santa Catarina, entre elas a de Urussanga, que foi a primeira Prefeitura a responder que precisava de profissional habilitado nessa área.

Em junho de 1991, José Claudio veio para Urussanga trabalhar com a Equipe da Secretaria de Saúde e, no mês de outubro do mesmo ano, inaugurou seu consultório no edifício onde funcionava a Moto Jop, na Av. Presidente Vargas.

Posteriormente, ampliou o espaço dedicado a seus clientes no Edifício Aliança, onde uma moderna clínica foi montada com consultório para o Dr. José Claudio prestar serviços nas áreas de ortodontia, ortopedia e harmonização facial e, também, com espaço para sua sobrinha Dra. Ellen que atua na área de odontopediatria, para sua esposa Vilza que é a responsável pela parte burocrática e ainda duas colaboradoras - a Simone e a Jaqueline. Ao completar três décadas na cidade, José Claudio lembra de momentos que marcaram sua carreira e diz que sente-se realizado em ter colaborado para com a mudança de costumes no quesito saúde bucal.


O Projeto Sorriso

Nos dois anos e meio que José Claudio trabalhou na Secretaria de Saúde de Urussanga, participou ativamente de um projeto inovador e que visava modificar o quadro até então existente, no qual a maioria da população não via os cuidados bucais como parte importante para a saúde física.

Entrevistado por Panorama, Dr. José Claudio disse que quando chegou a Urussanga e começou a participar da vida comunitária através de sua profissão, percebeu que em algumas localidades interioranas as crianças não sabiam nem escovar corretamente os dentes.

“Certa feita, em uma dessas localidades interioranas, uma mãe chegou ao consultório e me perguntou com que idade seu filho deveria começar a escovar os dentes. Eu fiquei bastante preocupado, pois o menino já tinha sete anos de idade e nunca havia visto uma escova de dentes. É bom registrar que, naquela época, na comunidade em que vivia esse menino, a média de cáries era cerca de 15 por criança. Um percentual bastante alto. Cheguei à conclusão de que era necessária uma ação preventiva, não adiantava fazer restauração e não agir na causa - que era justamente a falta de cuidados e boa higienização da boca. Então eu me reuni com a secretária de Saúde da época - Mariângela Dal Bó Lapolli e o pessoal da Secretaria, e falei sobre meu desejo de levar orientações para estas pessoas.

Naquela época, o Rotary Club abraçou a causa e construímos alguns escovódromos na cidade. Foi um trabalho gratificante, mas também exigiu bastante de mim.

Durante o dia eu trabalhava e à noite, juntamente com o motorista da municipalidade - Sr Egídio de Bona Sartor, eu ia nas comunidades do interior fazendo palestras para orientar sobre os cuidados necessários para se prevenir cáries e também para ter boa saúde bucal. Essas reuniões aconteciam em Urussanga e também em Cocal do Sul, que ainda era Distrito de Urussanga.

Eram feitas também reuniões com os professores, transmitindo-lhes orientações sobre como repassar as técnicas de escovação aos alunos e ainda outras questões relativas a este tema.

Foi algo que uniu muitas pessoas e um trabalho que tenho satisfação em lembrar e, principalmente, de saber que mudou radicalmente o modo de como a higienização bucal era vista.

Hoje tenho minha sobrinha que atende aqui na clínica e percebo que os pais estão trazendo seus filhos cada vez mais cedo ao dentista. O conceito de prevenção é bastante forte e isto me deixa feliz” explicou Dr. José Claudio ao acrescentar que este conceito de prevenção foi levado para a sua clínica.

“Este método de prevenção eu passei a usar também no meu consultório, e brinco meus pacientes dizendo: eu serei um profissional cada vez melhor quanto menos eu interferir na sua boca” pontuou o dentista que já fez mais de 100 mil procedimentos em seus clientes, prestou atendimento à população em um odontomóvel que percorria o município no início da década de 1990 e foi o primeiro a implantar um método educacional de prevenção às cáries e de saúde bucal em Urussanga.


O reconhecimento

Hoje, passadas três décadas de sua chegada a Urussanga, ele afirma estar muito feliz em ter sido merecedor de um título de Cidadania Honorária do legislativo, pelos trabalhos realizados na cidade onde foi muito bem recebido e que escolheu para constituir família e construir uma carreira profissional.

“Eu e minha família ficamos muito felizes ao saber que o legislativo da cidade considerou importante o trabalho que aqui desenvolvi nestes anos todos. Esse reconhecimento significa que fiz algo bom e é este fator que me traz muita felicidade.

Principalmente porque eu e minha esposa Vilza escolhemos esta cidade para viver, educar nosso filho e criar um empreendimento com vistas a promover bem estar para todos. Fomos muito bem recebidos aqui em 1991, inclusive pelos colegas rotarianos, os quais nos ajudaram na busca de imóveis para moradia e instalação do consultório. Aqui fizemos muitos amigos e seremos sempre gratos pelo carinho com que fomos recebidos e aceitos como parte da comunidade urussanguense desde o primeiro momento.

Depois de 30 anos em Urussanga, eu posso dizer que fui feliz na escolha do local para viver e que pretendo continuar trabalhando até que tenha saúde para isso. Sou uma pessoa realizada e grata por ter tido esta oportunidade de construir uma bela história junto aos meus familiares, colegas de profissão, rotarianos, clientes e todos os amigos que ganhei na nossa Benedetta” finalizou José Claudio - o dentista que vai lembrar do Dia dos Namorados de 1991 ao lado de sua amada companheira Vilza e recebendo deste semanário o reconhecimento pela sua enorme contribuição na saúde pública municipal.

Parabéns, Dr. José Claudio!





Commentaires


bottom of page