Criciúma : Recrutamento, aquecimento do mercado e falta de mão de obra pautam Café de Ideias


Mercado aquecido, muitas vagas, pouca mão de obra.

As dores comuns a praticamente todos os lojistas foram pauta, na quarta-feira, 27 de outubro, do primeiro Café de Ideias híbrido desde o início da pandemia.

Realizado mensalmente pela CDL de Criciúma, desta vez o evento teve por objetivo dar dicas sobre recrutamento e seleção aos comerciantes, assim como apresentá-los ao novo serviço da entidade, o CDL Talentos. As psicólogas e especialistas em Gestão de Pessoas, Fabíola Sanvido Martins e Scheila Giassi foram as responsáveis por abordar o tema “como recrutar um time vencedor”

Na oportunidade, Fabíola contou que aproximadamente 1250 vagas estão disponíveis na região, em todos os setores.

“Com a pandemia, muita gente começou a empreender, ainda está em casa, prefere o regime de home office. A realidade nossa é muito diferente de dois anos atrás, por exemplo. Por isso é necessário entender o cenário e se reinventar. Como o gestor pode receber esta nova geração que está chegando no mercado agora? Como manter uma equipe forte e engajada, fazendo os colaboradores se apaixonarem pelo próprio trabalho?”, questionou.

Foi pensando nessa dificuldade que a entidade lançou o CDL Talentos, que tem o objetivo de formar um banco de dados com candidatos especializados nas áreas do varejo. De acordo com Scheila, o protejo começou a ser desenvolvido há quatro meses, e agora entra em vigor oficialmente. “O mercado está bastante aquecido. Hoje, é muito mais fácil contratar alguém que não tem experiência e qualificá-lo, do que encontrar alguém pronto. Estes provavelmente já estão empregados”, diz ela, ao explicar: “com o CDL Talentos, nós entrevistamos, avaliamos o perfil de cada candidato e da loja que tem interesse, e possibilitamos o encontro das partes interessadas”.

O presidente da entidade, Tiago Marangoni, lembra que o serviço foi desenvolvido depois de muita pesquisa, testes e entendimento do mercado. “Continuamos pensando em alternativas que permitam que o associado cresça, se desenvolva. E para que isso seja possível, é necessário ter uma equipe forte e focada. Com o CDL Talentos e com a nossa equipe à disposição, mais uma dificuldade comum ao lojista poderá ser resolvida”, enfatiza.