Comarca de Urussanga- motoristas gostam de dirigir sem cinto de segurança e usando celular

Dados fornecidos pelo DETRAN/SC sobre infrações cometidas indicam

o perfil dos motoristas que trafegam nos três municípios da comarca





Viver numa cidade do interior, com pouco trânsito de veículos e de pedestres, pode trazer a sensação de que as regras impostas para quem está dirigindo um veículo são demasiadamente severas.

Afinal, que mal há em usar sandálias de dedo para ir rapidinho ao mercado ou não puxar o cinto de segurança só para ir até na farmácia?

Foi pensando em saber como se comportam os motoristas que circulam nos municípios de Urussanga, Cocal do Sul e Morro da Fumaça, que a reportagem de Panorama acessou estatísticas do DETRAN/SC, e tirou alguns dados reveladores baseados nos números de infrações cometidas em cada uma destas cidades de janeiro até a quarta-feira dessa semana 08/07. Quando o assunto é comunicação, os motoristas em Cocal do Sul ganham disparado. Foram 76 infrações por manusearem celular e 11 por usarem o celular enquanto dirigiam dentro dessa cidade, totalizando 87.

Urussanga e Morro da Fumaça estão quase empatadas. Na cidade sede da comarca foram 40 infrações por manuseio e 3 por uso de celular, num total de 43. Já em Morro da Fumaça foram 33 por manuseio e 9 por uso de celular, totalizando 42.

Em Morro da Fumaça, motoristas são campeões em dirigir sem CNH com 87 infrações, seguidos por Cocal com 80 e Urussanga com 57.

Dirigir com calçado que não firma no pé também coloca Morro da Fumaça na liderança com 94 infrações, seguido de Cocal com 94 e Urussanga com 59.

Condutor sem cinto então é o top da lista. Em Morro da Fumaça foram 486 infrações cometidas, seguido por Urussanga com 184 e Cocal com 69. Mas não pense que é só o motorista que não usa cinto. Acompanhantes que não usaram cinto foram motivo de 84 infrações em Cocal do Sul, 26 em Morro da Fumaça e 17 em Urussanga.

Outros dados que chamaram a atenção foram os das infrações cometidas por estrangeiros de janeiro até 8 de julho. No mês de janeiro foram 2.960, em fevereiro 2.046, em março 267, em abril 22, em maio 40, em junho 38 e neste mês apenas 1.

Desse total de 5.107, o maior número de infrações foi cometido em São Miguel do Oeste- 2.443, seguido por Florianópolis com 1.140, Bombinhas com 519 e Balneário Camboriíu com 327. Quanto ao número de veículos, a frota dos três municípios da comarca chega a 49.434.

Em Urussanga a frota é de 18.173 veículos automotores, sendo que entre todos os tipos os que mais se destacam são os 9.452 automóveis, 3.823 motocicletas, 1.258 caminhonetes, 955 motonetas,931 camionetas e 531 caminhões.

Em Morro da Fumaça são 17.578 veículos, sendo que os que mais se destacam são 8.301 automóveis, 3.872 motocicletas, 1.640 motonetas, 962 caminhonetes e 866 caminhões.

Em Cocal do Sul a frota tem 13.683 veiculos, sendo que se destacam os 7.873 automóveis, 2.285 motocicletas, 912 caminhonetes, 657 camionetas, 615 motonetas e 347 caminhões.