AMREC completa 39 anos de fundação e apresenta projeto de ampliação da sede


A Associação dos Municípios da Região Carbonífera (AMREC) completou 39 anos na segunda-feira, 25 de abril. Para marcar a data, um ato foi realizado no período da tarde, com bolo comemorativo e o anúncio de ampliação da sede, como preparação para os 40 anos da entidade.

A atual sede da AMREC passará dos atuais 500m² para mais de 900m². O auditório terá sua capacidade ampliada de 100 para 168 lugares. A obra que deve receber recursos do Governo do Estado e está estimada em aproximadamente R$ 2 milhões.

O atual presidente, José Cláudio Gonçalves, o Neguinho, anunciou a novidade durante um café comemorativo junto a imprensa, prefeitos, vice-prefeitos e membros dos colegiados da Amrec. “É um projeto audacioso. A AMREC precisa ocupar o lugar de protagonistas, de forma que as pautas precisam ser trabalhadas em conjunto, de forma colegiada, para que tenhamos mais força. Elencando pautas que sejam pertinentes a região”, comentou o presidente.

A preocupação do presidente é com o tempo, já que em função do período eleitoral a obra precisa ser iniciada antes do dia 2 junho. “Mas temos o compromisso do Governador. E se não der antes, depois do período eleitoral vamos iniciar, com a meta inauguração até o dia 25 de abril 2023, quando a AMREC completará os seus 40 anos de fundação”, disse o Neguinho.

Durante o ato, o diretor executivo Nelson da Silva elencou os serviços prestados pela AMREC, frisando que só em 2022, quase 1.100 pessoas passaram pela associação, em 59 reuniões. A arquiteta Kalinka Mazzucco Zanini Locatelli, foi quem fez a apresentação do novo projeto arquitetônico da ampliação e reforma da sede da AMREC.