Área industrial e vandalismo com patrimônio público são assuntos no legislativo urussanguense


Vereador Elson Roberto Ramos informou que na próxima semana vai trazer dados sobre os gastos em horas máquinas na área industrial no bairro São Pedro. Elson disse que, quando foi divulgada a construção da área industrial de Urussanga com 19 lotes, dava a impressão de que o espaço serviria para a instalação de 19 novas empresas. O vereador informou que os lotes, com pouco mais de mil metros quadrados, são pequenos e as empresas que estão se instalando no local estão adquirindo quatro ou cinco terrenos. Isso irá limitar de no máximo cinco empresas se instalarem numa área que custou cerca de três milhões de reais. O vereador afirmou que existe área industrial privada com terrenos a venda próximo ao Município, onde o proprietário fez toda a infraestrutura e os terrenos são mais baratos proporcionalmente ao valor gasto com a área industrial pela prefeitura.



Destruindo


Vereador Thiago Mutini (PP) mostrou, na sessão da última terça-feira, fotos recebidas de moradores de Santana do vandalismo praticado com as placas e a trave que limitam o fluxo de veículos com excesso de peso na Rodovia dos Mineiros. O vereador lamentou a destruição do patrimônio público e o desperdício do dinheiro de impostos dos cidadãos. Thiago pediu para as pessoas denunciarem quando presenciarem este tipo de crime contra o patrimônio público. Dando exemplo do que acontece corriqueiramente, vereador disse que o campo de futebol do bairro Bela Vista e o do Poliesportivo ficam abertos nos finais de semana para a prática esportiva e, mesmo assim, há pessoas que preferem cortar o alambrado para entrarem.